Sem perspectiva

 Créditos: divulgação

A situação não anda das melhores para quem pretende viajar aos Estados Unidos para estudar ou trabalhar – mesmo com o suporte de conhecidas empresas de intercâmbio. Por causa da crise, aqueles que pretendem fazer algum programa mais profissional não recebem garantia de inserções em qualquer organização, ou seja, se matriculam e aguardam sem previsão o surgimento de uma proposta.

Quem vai ao país do Tio Sam para estudar reclama dos altos valores nas moradias dos americanos. Isso sem falar na rígida economia de eletricidade e no rato na hora das refeições. O café da manhã de muitas famílias tem sido apenas leite e cereal, independente do valor contratual pago pelo hóspede.

(Por Filipe Felix)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s